Contabil Guapira

Magistrados da Justiça Federal da 4ª Região e da Justiça Estadual do RS iniciam curso de formadores (18/04/2022)

Magistrados da Justiça Federal da 4ª Região e da Justiça Estadual do RS iniciam curso de formadores (18/04/2022)

Na manhã de hoje (18/4), foi iniciado o “Curso de Formação de Formadores – Nível 1 Módulo I” do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4). As aulas ocorrem de forma telepresencial por meio das plataformas eletrônicas Zoom e Moodle e são voltadas para magistrados federais da 4ª Região e magistrados da Justiça Estadual do Rio Grande dos Sul.

A iniciativa tem como objetivo capacitar magistrados para orientar o preparo de novos juízes e é promovida pela Escola da Magistratura (Emagis) em parceria com o Centro de Formação e Desenvolvimento de Pessoas (Cjud) do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJRS).

O curso faz parte do Programa de Formação de Formadores (FOFO) da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam). A responsável pela coordenação científica é a desembargadora federal Taís Schilling Ferraz.

O diretor da Emagis, desembargador federal João Batista Pinto Silveira, realizou a abertura do evento. “Este é um dos mais importantes trabalhos que realizamos, porque não existe Escola sem formador e não existe um bom formador se não houver um olhar atento para essa formação. A formação de formadores busca cada vez mais uma qualificação para que possamos transmitir aos magistrados os fundamentos de uma excelente prestação jurisdicional”, declarou Silveira.

Em seguida, o juiz de Direito Alexandre Boeira falou em nome do Cjud. “A expectativa é de que os colegas magistrados que participam do curso recebam a melhor formação, tenham acesso às melhores ferramentas para disseminar o conhecimento”, ele destacou. Boeira ainda ressaltou a importância do convênio e da parceria entre o TRF4 e o TJRS, que trabalham juntos para a qualificação das competências dos juízes.

A desembargadora Taís Ferraz apontou que esta edição do curso traz um novo desafio, pois é a primeira vez que a integralidade das aulas do Módulo I do Nível 1 vai ocorrer à distância, de maneira telepresencial. A coordenadora científica complementou que realizar todas as atividades por EAD abre novos caminhos e possibilidades para a formação.

Ferraz também esclareceu que o Nível 1 do FOFO é voltado para “um repensar da nossa forma de ensinar e de aprender em sala de aula, buscando uma nova maneira de trabalhar os conhecimentos apresentados ao longo dos nossos cursos”.

As atividades seguem até o dia 11 de maio pelo Zoom e pelo Moodle. As aulas contam com uso de metodologias ativas e estratégias pedagógicas diversificadas, incluindo exposições dialogadas, debates, trabalhos individuais, dinâmicas de grupo, estudos de caso e simulações, objetivando associar teoria e prática, socializar o conhecimento, desenvolver competências como formador, além de exercitar a capacidade analítica e reflexiva.

Para acessar mais informações sobre a programação do curso, clique aqui.

A abertura do curso foi realizada de forma telepresencial (Imagem: Emagis/TRF4)

O diretor da Emagis, desembargador João Batista Pinto Silveira, participou do evento (Imagem: Emagis/TRF4)

O juiz Alexandre Boeira falou em nome do Centro de Formação e Desenvolvimento de Pessoas (Cjud) do TJRS (Imagem: Emagis/TRF4)

A coordenação científica do curso é da desembargadora Taís Schilling Ferraz (Imagem: Emagis/TRF4)