Saiba o que mudará na transação do PIX em 2023

Saiba o que mudará na transação do PIX em 2023

Pix é o pagamento instantâneo brasileiro. O meio de pagamento criado pelo Banco Central (BC) em que os recursos são transferidos entre contas em poucos segundos, a qualquer hora ou dia. Ele já se tornou o queridinho dos brasileiros.

[caption id="attachment_108770" align="alignleft" width="1024"] Foto: Marcello Casal JrAgência Brasil[/caption]

Além de aumentar a velocidade em que pagamentos ou transferências são feitos e recebidos, o Pix tem o potencial de:

  • alavancar a competitividade e a eficiência do mercado;
  • baixar o custo, aumentar a segurança e aprimorar a experiência dos clientes;
  • incentivar a eletronização do mercado de pagamentos de varejo;
  • promover a inclusão financeira; e
  • preencher uma série de lacunas existentes na cesta de instrumentos de pagamentos disponíveis atualmente à população.

Porém, o PIX no ano que vem passará por algumas mudanças, já a partir do dia 2 de janeiro. Segundo o BC, o objetivo é proporcionar maior segurança para os usuários.

Veja o que vai mudar a partir de 2023

Limite da transação

Existe um limite para as transações via PIX. Quando elas são realizadas durante o dia ou durante a noite. No entanto, também existe uma delimitação de valores para cada transferência feita.

Segundo o BC, os bancos não precisarão mais impor um limite de valor por transação, ficando apenas obrigados a determinar um limite por período de tempo. Por exemplo, quem tiver um limite diário de R$ 5 mil, vai poder usar tudo em uma só transação.

As regras para a mudança de limite permanecem as mesmas. Desta forma, se o cidadão desejar solicitar uma redução de limite, visando realizar transações em menores valores, o banco deverá autorizar de forma imediata. Se você desejar aumentar esse limite, deverá aguardar a aprovação que deverá ocorrer entre 24h e 48h.

Limite noturno

Durante a noite, os bancos vão poder oferecer ou não a customização do horário noturno para os clientes que solicitarem um limite menor para as suas transações. Ficou definido o horário de 20h às 6h, no entanto, a instituição financeira vai poder oferecer aos seus clientes a opção de 22h às 6h.

Mudanças no PIX saque e troco

Muitas pessoas não sabem, mas o PIX possibilita o saque e o recebimento de troco, principalmente em virtude das transações realizadas às empresas e/ou comércios. Neste sentido, atualmente, o limite diurno para a transação é de R$ 500, enquanto o limite noturno é de R$ 100.

Porém, a partir do ano que vem, esse tipo de transação terá um novo limite: R4 3 mil durante o dia e R$ 1 mil no período da noite.

mudanças aconteceram?

Foi uma forma que o BC encontrou para facilitar o recebimento de recursos por correspondentes bancários (como já acontece nas lotéricas), viabilizando assim o pagamento de salários, aposentadorias e pensões pelo Tesouro Nacional através do sistema de transações instantâneas.

As novas regras do Pix passam a valer a partir de 2 de janeiro de 2023. Entretanto, os ajustes feitos na gestão dos limites para os clientes, por meio dos canais digitais, entrarão em vigor a partir de 3 de julho do ano que vem.

Fonte:  Jornal Contábil .

Recommended Posts